30 de out de 2013

Entrevista com Mano X - Familia GNA

Hoje traremos a entrevista cedida pelo rapper Mano X da Familia GNA, o mesmo estará participando da nossa nova mixtape que estaremos lançando muito em breve, logo mais estaremos lançando mais informações pertinentes a mesma, por enquanto, aproveitem e conheçam um pouco do Mano X, rapper com muito talento que em breve estará com a sua EP nas ruas. 



ENTREVISTA

1) Nos fale um pouco sobre o mano X, quando, como e por quê começou a cantar RAP?
Sempre fui um amante do Rap, um amante da música. Comecei em meados de 1996, mais especificamente na Estação São Bento, onde eu colava para apreciar um pouco da cultura, foi ali o meu primeiro envolvimento com o mic.

Após uma viagem para o Japão, que de início seria uma curta estádia, comecei a fazer alguns shows em casas noturnas de Black Music com algumas letras já escritas.

Mas o que mais me marcou foi uma abertura de um show do Racionais Mc´s que foi realizado na província de Nagoya.
  
Me identifiquei muito com o Rap devido a realidade que é contada de forma clara e objetiva, um meio de você se expressar e expor as suas ideias, seu ponto de vista sobre o seu cotidiano, sobre o cotidiano sofrido da periferia, um meio de se fazer revolução sem violência, fatos pessoais já vividos que para o ouvinte pode-se ser acatado como um conselho, um alerta ou até mesmo expandir o seu conhecimento dentro da cultura.

2) Quais os projetos que estão por vir?
Tenho meus projetos junto a Família GNA, uma grande família que faço parte, onde encontramos talentos com ideias diferenciadas, com muito peso e inovações como Drops GNA e Alex Street GNA.

Seguindo também junto ao projeto solo do meu parceiro Rebeld (SNJ) onde chego nos refrães, dobras enfim, um reforço para a primeira voz, e algumas participações em meio aos shows, participando também em outros projetos dentro da Família SNJ.
E claro, meus projetos solos, que em breve vocês poderão conferir.

Ouça  abaixo o single "Lutar pra vencer" com participação especial de Rebeld - SNJ .

3) A EP que em breve você estará lançando, terá alguma participação?
Nessa EP cujo o nome ainda não poderá ser divulgado, teremos sim algumas participações, assim como Rebeld (SNJ), Sandrão (RZO), Vickman NVC, Andread (Projeto Reburn), Drops (GNA), meu DJ Lick Shot entre outros.

Ouça  abaixo o single "Siga em frente" com participação especial de Andread - Projeto Reburn.

4) Qual a sua expectativa para essa EP?
Minhas expectativas? Mano, tudo o que faço coloco Deus a minha frente, então tenho certeza que colherei bons frutos.



5) Como você vê a força do rap em Guarulhos?
Creio que o Rap hoje em Guarulhos vem se fortalecendo cada vez mais, independente ou não da união entre os grupos. Acredito que a tendência do fortalecimento é crescer cada vez mais.




6) O que o rap em Guarulhos precisa fazer para ter mais reconhecimento dentro do território nacional?
Irmão, nada é reconhecido se não for apresentado, a questão é ter um bom conteúdo e uma divulgação organizada, com uma boa divulgação a tendência será somente se expandir cada vez mais dentro de nosso território.

7) Em sua opinião, por que grandes nomes do rap nacional quase não se apresentam em Guarulhos, mesmo a cidade tendo estrutura para comportar os eventos deste porte?
Talvez por falta de um pouco mais de investimento e o público Guarulhense chegar mais junto, pois vejo muitos que saem daqui pra Sampa mas não fortalece quando é organizado algum evento aqui na cidade.

Não adianta ter estrutura e faltar organização, verba, e novamente, entramos na questão da divulgação.

Se você quer fazer um evento, não vamos ser hipócritas, você vai querer lucrar com isso, por mais que você goste do movimento, se você quer público, faça uma boa divulgação, pois quanto mais pessoas, mais lucro, mais lucro, mais eventos e assim por diante.

Já vi várias festas com grandes nomes onde o contratante acaba tendo que tirar do bolso para que seja efetuado o pagamento do cachê, pagando o cachê sugerido pelo grupo, qual o grupo que não viria?


8) Seu som lançado recentemente "Siga em frente" tem a participação de Reburn, integrante de uma banda de Reggae, você acha que o Rap tem que andar lado a lado com os estilos que seguem a mesma ideologia ou tem um visão próxima do rap? (Reggae, punk, etc).
Sim, vem com a participação de Andread (Vocalista), um dos integrantes do Reburn, que é um projeto onde venho também participando em alguns sons, mesclando as duas raízes, em outros sons, tocando baixo ou guitarra, dois instrumentos que também me identifico muito.

Sobre as raízes correrem juntas, isso vai muito de cada um, eu na minha opinião, a partir do momento que for pra somar, acho que devem sim andar lado a lado, são estilos da mesma origem, com as mesmas ideologias e objetivos, com os mesmo ideais, temos que sempre inovar, sem fugir da nossa linhagem, mano, somos o Rap, somos o Reggae, somos o Samba, somos a música...


9) Quais são as suas influencias dentro e fora da música?
Mano, fora da música me influencio no meu cotidiano, no meu dia a dia, na minha e na nossa realidade.

O que vejo, o que passo é o que mais me inspira para escrever. Já dentro da música, escuto bastante MPB, Soul, Jazz, Reggae, muito Rap Nacional, cara, ouço de tudo um pouco, de tudo que é bom eu tento tirar algo.

Mas acho que as maiores mesmo, vem de Jorge Ben, Tim Maia, Zé Ramalho, João Nogueira, Wu Tang, 2 Pac...Irmão, se for citar tudo, a lista é grande, quente “memu” (Risos).


10) Você nasceu no Brasil? Se não, qual a sua experiencia dentro do rap fora do pais?
Sim, sou nascido no Brasil, mas obtive uma boa experiência fora do Brasil, assim como eu havia citado, meus primeiros shows foram no exterior, meus primeiros beats, adquiri um flow diferenciado devido a essa experiência lá fora.

Mas estamos sempre aprendendo coisas novas, como o velho ditado: Nascemos e morreremos aprendendo.

Ouça  abaixo o single "A vida é foda".


11) Espaço totalmente aberto, fique a vontade.
Em primeiro lugar quero agradecer a Deus por nos permitir essa troca de ideias e pelo dom que nos deu.

Á vocês da Vanguarda pela oportunidade e parabenizá-los pelo grande trabalho dentro do nosso Rap Nacional.

Todos aqueles que me apoiam, que acreditam no meu trabalho, a minha família e meus parceiros.

Um grande salve a nossa Família GNA e Família SNJ por todas as oportunidades e trabalhos realizados.

Fiquem com Deus guerreiros e guerreiras.



Muito amor e vida longa!



SoundCloud Oficial: https://soundcloud.com/mano-x