25 de out de 2011

Rapper Preto Will é agredido fisicamente por conta da cor no metrô Campo Limpo


Preto Will foi agredido fisicamente pelos guardas do metrô Campo Limpo no final desta tarde.




O rapper e ativisita cultural Preto Will, do grupo Versão Popular e membro da Cooperifa (Cooperativa Cultural da Periferia) foi vítima de uma agressão física no final da tarde no metrô Campo Limpo – SP.
Até agora, sabe-se que ele foi barrado pelos guardinhas do metrô, que por conta dele ser negro, o impediram de entrar no trem. Ainda não se sabe como se deu o desentendimento.
Neste momento, ele está no Hospital do Campo Limpo fazendo o exame de corpo de delito. Há algumas escoriações pelo corpo do músico.
Assim que for liberado, ele deve retornar a 37ª Delegacia de Polícia no Campo Limpo, onde deverá prestar mais depoimentos.
Ativistas culturais de todo país estão mobilizados para exigir retratação diante do caso. Uma mobilização, pelo twitter, já começou, com a disseminação da hashtag #RacismonoMetrôCampoLimpo.


*as informações acima foram apuradas através de amigos que falaram com o rapper por telefone.