8 de set de 2010

1° Batalha de Rimas - Poços de Caldas-MG

Evento pretende reunir jovens para disputar, através de rimas improvisadas, quem tem mais conhecimento

Poços de Caldas, MG – Música. Arte. Debate. Assim pode ser resumida a primeira Batalha de Rimas

que acontece em Poços de Caldas no domingo (12) a partir das 14h no half – pista de skate.

Organizada pelo Coletivo Hip-Hop Uai (União dos Ativistas do Interior), o evento tem como objetivo estimular o duelo de conhecimento por meio da cultura hip-hop.

A ordem é improvisar e mostrar quem é o melhor. O pensamento rápido e o conhecimento do dia-a-dia são as chaves para um bom MC (mestre de cerimônias) durante um duelo.

Para este primeiro encontro em Poços, o Coletivo traz o evento com a apresentação do MC Leopac, conhecido pelas músicas de rap e também palestras envolvendo o conhecimento e discotecagem de DJ Mancha, também oficineiro de hip-hop.

Os que se arriscam na rima poderão fazer a inscrição no local a partir das 14h e cada etapa será 80 segundos, sendo que um MC ataca e o outro responde.

O primeiro concorrente tem este tempo para improvisar, seguido pelo adversário, com o mesmo tempo. Em seguida, troca-se a ordem, é a vez do segundo concorrente improvisar antes para ser rebatido pelo outro.

É neste momento que se ouve de tudo, desde o local onde os jovens vivem até os grupos que fazem parte, passando pela realidade da periferia, o dia-a-dia, os estudos, as festas e as namoradas.

Entre as regras, ficam vetadas as ofensas aos familiares e a etnia ou mesmo aparência.

A disputa é de todos contra todos e na final, de 1 minuto e 30 segundos para cada um improvisar.

O julgamento é feito por uma banca composta de três jurados, que dão notas às rimas, desenvoltura, capacidade de raciocínio, ordem e repetição das palavras.

O que é uma Batalha de Rimas

Provar a superioridade provocando o adversário por meio das rimas. Essa é a característica da Batalha de Rimas, onde os versos são feitos pelos concorrentes, que empunham os microfones e sobre as bases comandadas por um DJ, remetem aos repentes nordestinos, com a diferença do regionalismo, e ao invés do sertão, os jovens improvisam sobre a urbanidade.

Conhecida também como “Freestyle”, a Batalha de Rimas existe desde o surgimento da cultura hip-hop no mundo, com o DJ Afrika Bambaataa uniu os elementos e os batizou como movimento, na década de 1970.

Desde então, MCs duelam através do microfone e expõe suas opiniões, mostrando que, com conhecimento, é possível vencer a violência e promover entretenimento.

Desta maneira, a batalha faz parte de um projeto do Coletivo, que busca envolver crianças e adolescentes com a cultura produzida nas ruas, oferecendo-lhes oportunidades de diversão e acesso à cultura.

Para um dos organizadores, o Leopac, o objetivo é resgatar a essência dos grandes rimadores que fazem os improvisos na hora. “Sinto que estamos, aos poucos, agrupando todos os elementos do hip-hop para serem executados com grande amor e carinho nas ruas de Poços”, diz.

Assim, o coletivo Hip-Hop Uai lança o desafio de intervir de uma forma transformadora, que irá de acordo com a realidade apresentada por esses adolescentes, ou seja, ações que tenham a linguagem deste público alvo.

O evento conta ainda com o apoio do vereador Tiago Cavelagna.

Serviço – O evento acontece no half – pista de skate localizado a rua Senador Salgado Filho, s/n, no bairro Country Club. Próximo ao Parque Municipal e Chico Rei Clube.

Mais Informações:

Leopac: 8821-8706

Jéssica Balbino: 8807-5741