13 de jan de 2009

Entrevista com 1º ATO




Salve 1º ATO, primeiramente gostar

ia de agradecer a humildade do grupo, e a disposição para colaborar do mesmo. Um grupo que com certeza ta vindo para somar e multiplicar no cenário do Rap nacional.


Vanguarda: Fale um pouco do grupo, quanto tempo vocês estão na ativa, como começaram, os integrantes ect.


Gordinho: Então, o grupo ta nos corre ai quatro anos, só que era só o Romario que corria com o grupo, após eu (Gordinho) ter saído do Resistência Lado Leste, eu troquei idéia com o Romario e “decidimo” forma um time de responsa pra corre com o grupo e isso tem um ano.

Vanguarda: Nesse 1º Álbum vocês estão contando com algumas participações, ratifique elas pra rapa e como foi essa fita de convocação pra fazer a parceria os caras são trutas ou vocês pediram uma força e tal... Conta ai.


Gordinho: “Puts”, essa fita ai só tenho a agradecer os “cara”..eu ja tinha um contato uma amizade com eles e tal. Na real mesmo foi uma coisa bem natural a gente foi montando o disco aos poucos e identificando os cara com cada musica e no decorrer do trampo

fui chamando eles que na hora foram topando são eles :

Markão (DMN), Sinistro (9 Milimetros) , Gregory (Total Drama), Buiu (Quadrilha Sinfônica) , Cris Prodigos ..E ainda um vídeo ai que logo mais ta disponível do Eduardo do Facção e Carlão do Hórus


Vanguarda: Em termos de musica, qual a influencia do grupo?


Gordinho: Muita musica negra é até injustiça a gente cita os nomes porque tem vários mano que a gente ouve, também muita MPB, até bossa nova.


Vanguarda: Neste ano de 2009, Vocês tão vindo aí com o 1º álbum de vocês. Qual a expectativa de vocês sobre o CD e sobre o RAP em geral?


Gordinho: Então tiu, isso é um barato complicado pra se fala .Em matéria do cd em geral, a gente espera ser boa, pois foi feito com muito amor ta ligado .

Em relação a vendas a gente já desencano

dessa fita pois hoje em dia pra vender mil CDs ta osso .

E ao rap em gera,l acho que 2009 é o ano porque já passamos por varias fitas anos atrás e não desistimos por isso, e agora em 2009 com certeza vai ser o ano do rap ..


Vanguarda: Qual o intuito do grupo perante os ouvintes? O objetivo é a revolução ou não?


Gordinho: Sim uma revolução sadia né tiu , não aquela revolução que a gente tem que se arma e sai derrubando o funkeiro ou o mano que curte axé ...A revolução ta na informação e é isso que queremos passar.


Vanguarda: O que representa o RAP pra vocês? Somente um estilo musical?

Gordinho: O rap pra nós, significa salvação.


Vanguarda: Vocês fazem muita divulgação do grupo na NET, você acha que a internet foi uma das ferramentas mais importantes para o crescimento do grupo? O que vocês acham que os demais grupos de RAP deveriam aderir a essa ferramenta ou vocês apenas virão como um recurso barato e acessível de divulgação?"


Gordinho: A internet é um mal necessário ti

u , assim como o dinheiro , os presidentes, é um barato loko onde o mundo inteiro ta na ponta “dos seus” dedos , mais temos que saber usar e saber se concilia com essa forma de se intera acho muito interessante


Vanguarda: Fale um pouco o que a pirataria pode representar para um grupo que está começando como vocês?


Gordinho: Depende muito do resultado do “trampo” acho que do mesmo jeito que pode prejudicar pode ajudar muito.


Vanguarda: No som “Capital da gozolandia” você cita “Diz aí moleque que chance você vai ter, se USP, UNIP só boy que pode ter” Por qual motivo você acha que se deve a isso, um ensino fraco de escolas publicas ou o desinteresse das crianças ao estudo? E o rap, pode contribuir em algo positivo para o incentivo da educação?


Gordinho: Sabia que um dia iam me pergunta isso [risos]. A fita é o seguinte tiú, em matéria de educação vai de pessoa pra pessoa e eu acho q escola publica é muito relativa nessa fita. O Dexter ta preso há 11 anos e é muito mais informado do muita gente de faculdade isso vai da dedicação ‘das pessoa”..em relação a só boy pode ter vaga na USP e UNIP é que eles tem 20 mil pa paga o gabarito das provas..


Vanguarda: Muito se fala em Rap X Mídia, qual sua opinião sobre grupos de rap ir a mídia,será que poderia ser algo produtivo para o rap?


Gordinho: Existe muita polemica sobre isso... Não sou contra os grupo irem à mídia e sim o grupo em si vender a sua ideologia , ir ao programa e fazer o que o programa determina , fala como deve ser cantada sua musica e suas resposta vão ser essas.

Vanguarda: Agora o espaço está aberto para vocês do Primeiro ATO, fiquem a vontade:


Gordinho: Nos só temos a agradecer a vocês por ceder o espaço pra gente e também pedi a todos a acreditarem no rap a acreditarem em vocês mesmo, pois a força da informação e revolução ta com nois ..to pra vê gente mais informada e de opinião própria igual a rapa do rap.

É nois abração de coração !


Myspace

www.myspace.com/primeiroatozl
Comunidade Oficial:
http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=56941433
Noiz Por Noiz - Part. Sinistro 9mm


http://www.4shared.com/file/59926226/2cf7876f/nois_por_nois.html
100 Tristeza
http://www.4shared.com/file/60202247/89d866bb/100_Tristeza.html